Canon S90 – Uma compacta para fotógrafos

Posted on 22/08/2009

0


canon powershot s90

A Canon lançou nesta semana (19/08) 5 novas câmeras. O upgrade na linha G, bem como na linha de superzooms, já era esperado e antecipado semanas antes pelos controversos sites de rumores. Porém, o que surpreendeu nessa leva de novas câmeras, foi a volta da até então extinta linha S de compactas.

Um pouco de história

Canon S30

Canon S30 – O começo da saga

A linha S chamou a atenção dos fotógrafos no final de 2001, com o suporte ao formato RAW e controles manuais da S30. Após alguns modelos, onde apenas a quantidade de megapixels foi alterada, em junho de 2004 o modelo lançado ganhou uma nova lente, começando em 28mm – vale lembrar que naquela época poucas compactas dispunham de uma verdadeira lente wide angle – e os outros dois modelos lançados em setembro de 2004 e outubro de 2005, receberam acabamento na cor preta e, é claro, aumento na quantidade de megapixels. O último modelo lançado até então, a S80, inexplicavelmente perdeu o suporte ao formato RAW, – que era um de seus diferenciais – uma característica que a Canon também aplicou à linha G.

Canon S80 – Cadê o RAW, Canon??

Canon S80 – Cadê o RAW, Canon??

Nos anos seguintes, a Canon lançou diversas compactas da linha PowerShot e Digital Elph, mas nada da sucessora da queridinha S80. Por isso a surpresa com o lançamento desta semana, após um intervalo de 4 anos.

Felizmente a Canon percebeu a demanda do mercado de fotógrafos que possuem uma DSLR e querem uma câmera de bolso, que ao menos entregue fotos de qualidade em situações de boa luz (situações de ISO baixo), tal demanda que outras empresas perceberam e lançaram produtos como Sigma DP1 e Panasonic LX-3.

A nova Canon S90 visa claramente o segmento de fotógrafos experientes, entregando arquivos no formato RAW, lente começando em 28mm e f/2.0, sensor relativamente “grande” de 1/1.7″ de maisdoquesuficientes 10 megapixels e desenvolvido com foco em bons resultados em ISOs elevados. Outra característica que ratifica esse posicionamento é handling/manuseio da câmera, importantíssimo para conquistar este nicho de mercado: ela conta com uma mode dial para os modos PASM e uma posição C de custom, uma control dial traseira e outra ao redor da lente. Lembrando que muitos modelos de DSLR possuem apenas 1 dial e esta pequena notável esbanja com duas. Com a dial ao redor da lente, o fotórgrafo pode ajustar compensação de EV, foco, ISO, ir para distância focais pré-estabelecidas (28, 35, 50, 85 e 105mm) e, no modo manual, ajustar velocidades/aberturas. A Canon realmente inovou com esta funcinalidade. Complementando, há um botão na traseira para ser configurado com uma função de sua escolha e o flash no estilo pop out, contribuindo com o design minimalista desta belíssima câmera. Confira todas as especificações técnicas aqui.

Canon S90

Canon S90 – Control dials, RAW, f/2.0... É esse o caminho!

canon_s90_2

Canon S90 – O botão "S" é de função configurável

É com certeza um grande lançamento que consolida a Canon no segmento das compactas de luxo. Espero que a Nikon se mexa e lance algo à altura da S90 e pare de dar fiasco com a linha Pxxxx. Mas o que realmente quermos ver partindo do eixo Canon-Nikon são câmeras compactas (ou até semicompactas, sendo bonzinho) com sensor de tamanho APS-C, utilizado em DSLRs. A Olympus e Panasonic já acordaram e já lançaram câmeras no sistema micro Four Thirds, mas isso é assunto para outro dia.

E que venham os reviews!

Marcado: ,
Posted in: Câmeras